Suplente de Deputado Federal por São Paulo

Mês: dezembro 2019

Criação da figura do juiz de garantias pode afetar caso Flávio Bolsonaro

Criação da figura do juiz de garantias pode afetar caso Flávio Bolsonaro Featured

Por que não considero Bolsonaro traidor? Mas, por que ele traiu?

Em um discurso político, da velha política, candidatos utilizam do populismo para alcançar seus objetivos. Assim foi com o atual presidente, ele se comprometeu combater a corrupção e a violência. Tão logo, ao ver a empreitada do MP do rio de janeiro, encarregou-se de dar aquele Jeitinho Brasileiro e criou o “Meu juiz minha Vida”. O presidente, Jair Messias Bolsonaro foi “frouxo” ao não vetar a ideia do socialista, Marcelo Freixo, outro “frouxo”.

Sabe porque não considero o presidente traidor, porque nunca acreditei em suas palavras, não me sinto traído e nem decepcionado, apenas lamento que o ministro da justiça tenha que lidar com os espertalhões da velha política!

A verdadeira Aliança pelo Brasil!

A verdadeira Aliança pelo Brasil!

A verdadeira Aliança pelo Brasil!

Teste de empatia

Se seu filho cometesse um crime, julgado e condenado? Você o defenderia em praça pública ou manteria a postura ética, pois errou tem que pagar, ainda que seja com a pena de prisão?

Novo de verdade?

  • Se a postura for essa, senhor presidente, Jair Messias Bolsonaro, isto alimenta a esperança por uma nova política
  • E se, o presidente vetar o fundão eleitoral, que é um assalto ao cidadão, isto alimenta a esperança por uma nova política.

Se realmente o presidente fomentar uma cultura, igual, ou melhor, que o NOVO 30 vem a mais 5 anos empenhadamente divulgando, de política com responsabilidade, honestidade e compromisso com princípios e valores. Isto trará esperança e criará uma aliança com o Brasil!

Segundo Dias Toffoli a Lava Jato destruiu empresas  e o ministério público não é transparente. 

Segundo Dias Toffoli a Lava Jato destruiu empresas  e o ministério público não é transparente.  Featured

Segundo Dias Toffoli a Lava Jato destruiu empresas  e o ministério público não é transparente. 

Em entrevista ao Estadão o atual presidente do STF volta a criticar a operação que trouxe a luz  muitos esquemas de corrupção. Em nada surpreende esta narrativa, tendo em vista que, as ações da “Corte de Brasília” tem beneficiado diversos envolvidos condenados. 

Esta declaração demostra o quanto estão empenhados, seja em forma de críticas ou decisão, em barrar a operação Lava Jato.

Talvez, se operação prendesse Sérgio Moro e Deltan Dallagnol… Lula Livre e Candidato, com Brasil em direção ao socialismo e Dilma destruindo o país, restariam apenas elogios.

artigo completo: https://politica.estadao.com.br/noticias/geral,toffoli-diz-que-lava-jato-destruiu-empresas-e-mp-e-pouco-transparente,70003126821