Candidato a Deputado Federal por São Paulo

Category: Funcionalismo Público

Privatizações melhora a vida das pessoas?

Privatizações melhora a vida das pessoas?

Privatizações melhora a vida das pessoas?

Sim! A única estratégia em “Capitalismo de Estado”, quando o estado participa da economia como um empresário, é política e visa a manutenção do poder e, neste contexto, propicia a corrupção.

Para explicar como a privatização melhora a vida das pessoas, vamos entender primeiro qual é o papel do Estado e porque ele é um mau gestor quando passa a ser um empresário.

Uma das maiores empresas do mundo, a Petrobrás, é uma empresa cheia de dívidas. A Petrobrás é um exemplo de como o estado é ineficiente na gestão, os problemas recentes desta estatal demonstram como o aparelhamento político é nocivo. A empresa, assim como muitas outras estatais, serviram de suporte financeiro a partidos e políticos.

Somos acionistas compulsivos da estatal de petróleo e gás e o dinheiro que poderia estar sendo gasto com saúde educação e segurança, servirá para pagar dívidas oriundas de processos bilionários nos USA – a conta é nossa por culpa do estado.

Estatais geraram mais custos do que retorno financeiro para a União nos últimos 5 anos, diz Tesouro Nacional.

As empresas públicas NÃO são do POVO!!

Lembre-se: as empresas estatais são mantidas com dinheiro público, ou seja o povo não é dono; porém, a classe política e os funcionários do alto escalão são os maiores beneficiados. Em 2016 o governo gastou cerca de 19 bilhões com estatais, cerca de R$ 92,00 por brasileiro. fonte: Gazeta do Povo

O povo é dono, apenas, do prejuízo do negócio, politicamente mal gerenciado. Até este ponto falamos apenas da Petrobrás e, de uma forma generalizada, de outras estatais. Porém, existem os bancos (Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil), Usina Belo Monte… etc.

E por que privatizar melhora a vida das pessoas? Privatizar da forma correta, deixando nas mãos de quem sabe gerenciar, é mais lucrativo, ao invés de perder dinheiro com investimentos inviáveis. Lembre-se da Refinaria de Pasadena.Poderíamos investir mais em tecnologia para poder melhorar a gestão em segurança pública, saúde e educação! O Estado nasceu para ser estado e não uma empresa privada. Em certos casos pode até funcionar, porém manter 606 empresas que geram prejuízos e despesas para o contribuinte é inaceitável.

 

Fonte: Gazeta do Povo

Porque precisamos de renovação?

Porque precisamos de renovação?

Precisamos de renovação!!

O jogo político sempre foi feito de forma suja no Brasil, tanto de dinheiro quanto de poder, culpe os políticos e esta mesma culpa recai em nós, pois, somos nós que os elegemos. Muito do que tem acontecido ultimamente é por causa da manutenção de uma estrutura velha e falida ou por falta de peças que realmente façam uma renovação. Mas neste jogo há sempre dois lados da moeda.

Podemos culpar os políticos por dificultar nossas vidas, mas fazemos alguma coisa para mudar o sistema político de nosso país? Precisamos, a partir do princípio de que política dita o futuro de nossa nação, e dentro desta percepção, ser ativos e convidar os futuros candidatos a serem compromissados, fazendo política com responsabilidade. Além disto, a juventude como principal ativo de nossa nação precisa, além de refletir, sobre os benefícios do envolvimento com política, atuar de forma proativa, “é surpreendente ver o sistema político dirigido por alguns velhos funcionários corruptos e líderes da meia-idade para enquadrar o futuro da nossa nação em vez de mentes jovens, novas e inteligentes”

Não podemos deixar a reestruturação política do nosso país em segundo plano, podemos fazer parte do jogo político fazendo algo de bom, e não importa se o sistema é corrupto, estaremos lá para dá o nosso melhor e lutar para que o sistema mude.
Dentro disto, vejo que, para haver uma reestruturação desta república, onde exista mudanças significativa na vida do indivíduo, precisamos renovar. Mas uma renovação passa pelo crivo do povo, e este, precisa atuar para selecionar não somente o mais honesto, mas também o mais apto, e de preferência que não faça parte desta velha política que jogou o Brasil na crise em que estamos hoje.

“Precisamos de Renovação” este é um dos motivos que decidi participar ativamente da política.

Jogando contra

Jogando contra

Estamos vivendo uma bagunça institucional provocada pelo STF, Ministério do Trabalho e este governo que sobrevive à custa dos pagadores de impostos. Primeiro pela impunidade, cria-se um ambiente nefasto para proteger um bandido que deveria estar preso, segundo pela decisão do ministério do trabalho em liberar o imposto sindical. Onde vamos parar?

Imagine um carro desgovernado descendo a ladeira, esse é o Brasil de hoje, um país que eu, assim como muitos, não queremos, mas nos coloca como a única opção. É revoltante porque somos obrigados a conviver com um legislativo, executivo e judiciário que causa desgosto, vergonha e repugnação. Não falo isso por causa das monstruosidades decididas pelos donos da lei, digo isto porque não existe respeito pelo povo.

Barroso x Povo
Barroso permitiu saltar 11 dos presos na operação Skala.

STF x Povo
Garantiu a liberdade provisória de Lula e ainda pode permitir, através de liminar que se torne candidato.

Ministério do trabalho x Povo
Permitiu a volta do imposto sindical.

Nesta partida de futebol do Povo e o Estado, contra a impunidade, o crime e a corrupção, o Estado faz gol contra, enquanto o povo e uma minoria da lei tenta vencer a partida.